Dores na coluna durante a gestação (04/08/14)

Dores na coluna durante a gestação (04/08/14)



Eu, particularmente, acho a "barriga de grávida" uma coisa linda!! MAS... que pesa, pesa! Rs
Pelo menos para a maioria das mulheres. E para mim, pesou..
Eu engordei beeeeeeeem mais do que o recomendado: foram 18 kg durante a gestação, fora os 4kg que eu ja estava a mais do meu peso normal (culpa das férias, eu juro! Rs). 


Bom, o resultado disso, foi uma lombar bem dolorida nos ultimos 3 meses de gravidez. 
Como minhas pernas inchavam loucamente, eu mantive as minhas sessões de drenagem linfática, mas tive bastante dúvidas quanto às massagens para aliviar as dores. Lembro um dia em que eu agendei uma reflexologia e quando a terapeuta viu minha barriga me explicou que não era possível fazer esse tipo de procedimento devido à gravidez.


Para entender um pouquinho daquilo que pode, que é ou não recomendado e até o que é proibido em relação às massagens nesse período, eu conversei com a Terapeuta Holística DANIELA DALL'OLIO. Veja a seguir a entrevista!


1-) Estima-se que cerca de 2/3 das gestantes sentem dor lombar ou pélvica durante a gravidez. O que pode ser feito para aliviar essa dores?
R: Durante a gravidez, as dores lombares e pélvicas são normais, visto que o corpo da gestante está se adequando à uma nova condição, desde os primeiros momentos da gestação. 

A Prática de alongamentos, natação, hidroginástica, bicicleta ergométrica, caminhadas e corridas leves (caso a gestante já pratique exercícios com frequência), Ioga e Pilates, auxiliarão o corpo a irrigar sangue e oxigenação para as áreas doloridas e farão com que estas dores diminuam.

2-) Qual o tipo de massagem que não causa risco para a grávida ou para o bebê? 
R: Do ponto de vista terapêutico, não é recomendado a realização de massagens durante a gravidez, principalmente nos primeiros três meses de gestação. 

Após este período, recomenda-se a drenagem linfática (que é um procedimento estético e proporciona além de todos os benefícios conhecidos, um relaxamento para a gestante). A massagem relaxante também pode ser feita, desde que, quem aplica a massagem seja um terapeuta ou profissional qualificado e especializado em atendimentos à gestantes.

Terapias como Reiki e Quântica são excelentes alternativas, pois não existe estímulos corporais. Trabalha-se com a imposição de mãos e energização/equilíbrio das energias da gestante, proporcionando alivio de dores e relaxamento.

3-) Acupuntura é recomendada?
R: Existe muita diversidade de opiniões a este respeito. 
Particularmente, não recomendo a aplicação da acupuntura em gestantes, pois existem pontos que podem provocar a contração uterina e antecipar o parto. As técnicas que envolvem a eletroacupuntura também, são vetadas na gravidez. 

4-) Em relação à quiropraxia, como ela pode auxiliar no alívio dessas dores?
R: A Quiropraxia é uma técnica que pode ser utilizada durante a gestação, pois não é uma massagem. É uma técnica manual, que inclui a manipulação e o ajustamento articular. 

Durante a gravidez, a quiropraxia irá auxiliar a redução das dores na gestante (principalmente quadris e coluna) e irá auxiliar a preparação do corpo para a hora do parto, que se natural, irá exigir um esforço físico muito grande por parte da mãe.

Os ajustes realizados auxiliarão a mobilidade e , automaticamente, relaxará a musculatura, proporcionando um alívio e sensação de bem- estar.

Existem contra indicações para o uso da técnica, como por exemplo, gestantes com problemas de hérnias, frouxidão ligamentar prévia, osteoporose e/ou outros problemas anteriores à gravidez, que deverá ser avaliada previamente pelo profissional.


5-) Existe algum tipo de exercício indicado para melhora desses sintomas?
R: O ideal é que a mulher, ao começar a planejar sua gravidez, inicie a prática de exercícios físicos e alongamentos, bem como terapias alternativas para equilíbrio energético de seu corpo. Um conjunto de "ações" prévias à gravidez, certamente auxiliará a ter uma gestação tranquila. 

No caso de gestações onde a mãe não possuía o hábito de fazer exercícios e/ou tratamentos alternativos, o ideal seria realizar os exercícios já citados anteriormente, para melhora dos sintomas.

6-) A cinta pélvica é uma alternativa?
R: A Cinta Pélvica nem sempre é uma alternativa. Algumas gestantes não se adaptam a ela e sentem ainda mais incômodo.
O ideal é sempre conversar com o médico que acompanha a gestação, para indicação ou não da mesma.

7-) Existe algum procedimento que comumente fazemos uso, mas passa a ser proibido durante a gestação?
R: Exercícios de alto impacto, massagens mais pesadas como o Shiatsu / Reflexologia, acupuntura, uso de banheiras de hidromassagem, massagens com intuito estético (Massagem Modeladora), procedimentos invasivos (laser, aplicação de enzimas, e alguns procedimentos estéticos), não são recomendados e até mesmo proibidos durante a gestação, pois podem prejudicar a gravidez.

8-) Espaço para suas consideraçoes finais
R: Gostaria de lembrar que a gravidez não é uma doença e sim um momento maravilhoso na vida das mulheres, quanto mais a gestante se preservar e procurar profissionais qualificados e especializados em atendimento a gestantes, melhor e mais tranquila será essa fase. Uma preparação prévia de seu corpo, mente e emocional, auxiliarão ainda mais a ter uma gestação sem dores e sem a ansiedade que é peculiar.


Daniela Dall´Olio
Terapeuta Holística
Contato:  (11) 98666-1074 / danieladall1980@hotmail.com



Tópico: Dores na coluna durante a gestação (04/08/14)

Nenhum comentário encontrado.

Novo comentário


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!